Ambientação: a importância para o evento.

ambientação
ambientação
A iluminação é um importante elemento cenográfico.

Como já foi dito no post anterior, um evento de sucesso é construído com vários elementos. Entre eles a cenografia e a ambientação.

Ambos são fundamentais. Porém, ao contrário do que muita gente pensa, não são a mesma coisa, ainda que funcionem de forma complementar.

Neste artigo, iremos explicar para você o que é a ambientação, como ela é diferente da cenografia e qual é o papel dela na construção do seu evento.

Vem com a gente!

Ambientação: o que é?

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é vtex-day-2.jpg
Todo evento precisa de uma ambientação à altura.

A ambientação nada mais é do que a experiência que o convidado tem no evento.

A sua principal função é a de provocar emoções e sensações nos convidados, transmitindo o espírito do evento.

Por exemplo: uma reunião de executivos precisa de um ambientação mais sóbria, já uma festa junina pede por algo mais lúdico e divertido.

Em suma: ela é tudo aquilo que mexe com o imaginário, responsável por despertar uma resposta emocional nos convidados. Abrange desde ícones decorativos, como fotos, até cores protagonistas usadas no evento.

O encanto que seu evento merece.

A ambientação, podemos dizer, é a magia do evento.

Ela é responsável por encantar e conquistar os convidados. Ela faz o público mergulhar em um universo único e vivenciar a experiência proposta pelo evento.

Dela fazem parte o som, as luzes, as cores e até o cheiro. Qualquer detalhe, por menor que seja, que possa contribuir para a experiência que o evento quer transmitir às pessoas.

Por tudo isso, ela deve transmitir de forma clara e encantadora o sentimento chave sobre a marca ou produto em questão.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é decorac%CC%A7a%CC%83o-de-eventos.jpg
Ambientação: responsável por encantar.

Ambientação X Cenografia.

Mas, afinal, qual é a diferença entre as duas?

Podemos resumir assim: se a ambientação é a alma do evento, então a cenografia é o esqueleto, a estrutura responsável por mantê-lo de pé

Por isso, ambas precisam estar sempre em sincronia.

A cenografia auxilia na criação de espaços promocionais, estandes em feiras, showrooms, pontos de venda e até workshops. É mais tangível e visual que a ambientação, que possui um caráter abstrato e conceitual.

Por exemplo: imagine que você vai a um lançamento de perfume.

As cores escolhidas, a suave música de fundo, o show de luzes, o aroma do perfume em questão no ar: isso é ambientação. Já os estandes, os pilares, as mesas e tudo aquilo que mantém o evento estruturado de forma agradável, é a cenografia.

Quando andam de mãos dadas e funcionam em harmonia, elas acolhem o público, facilitam relações e promovem o bem-estar.

Por fim…

Não existe evento sem ambientação. Ela é o coração, aquilo que transmite ao seu público as emoções e as sensações que você quer expressar com seu produto ou serviço.

É aquilo que encanta.

Por isso, sempre a leve em consideração ao planejar o seu orçamento, e reserve um tempo generoso para estudá-la com carinho.

Pode ter certeza: toda atenção que você dá à ambientação no final volta para você em resultados positivos.

Se você gostou deste artigo curta e compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *